Fenajufe participa de ato em frente ao ministério da Economia: "Parasita é a sua história, Paulo Guedes"

Fenajufe participa de ato em frente ao ministério da Economia: "Parasita é a sua história, Paulo Guedes"

As Entidades que compõem o Fórum Nacional dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe) realizaram ato em frente ao ministério da Economia, na tarde desta terça-feira (11), para cobrar de Paulo Guedes suas últimas declarações e protocolar a pauta de reivindicações da campanha salarial dos Servidores Públicos Federais. No entanto, o desprezo do governo com os trabalhadores não tem limites e, depois de horas de espera, ninguém recebeu os servidores. Acesse AQUI a pauta.

Os coordenadores Costa Neto, Evilásio Dantas, Roberto Policarpo, Roniel Andrade e Thiago Duarte representaram a Fenajufe.

Diante do descaso, é preciso intensificar a mobilização na luta contra o desmonte do serviço público. Ao comparar os servidores a parasitas, em palestra na Escola Brasileira de Economia e Finanças da Fundação Getúlio Vargas (FGV EPGE) na última sexta-feira (7), Paulo Guedes extrapolou todos os limites. Leia AQUI a nota de repúdio da Federação.

Para o coordenador Roberto Policarpo, é importante participação de todas as entidades no ato desta quarta-feira (12) em defesa e valorização do serviço público, no Auditório Nereu Ramos, na Câmara os Deputados. Além disso, o coordenador propõe que as entidades presentes façam uma nota de apoio à greve dos trabalhadores da Petrobras, deflagrada no início de fevereiro.

Já o coordenador Costa Neto destacou que, somente com atuação conjunta de toda a categoria, será possível frear a onda de ataques ao funcionalismo. O dirigente reforçou a dimensão do ato desta quarta e convocou todos os servidores a lotarem o auditório Nereu Ramos, além de manifestação em frente ao anexo II da Câmara dos Deputados.

Além disso, o coordenador Thiago Duarte ressaltou a importância de aliar a mobilização do dia 18, com pressão nas redes sociais e sobre o parlamentar.

Confira o vídeo em:


Raphael de Araújo, da Fenajufe (texto, vídeo e fotos)