Fenajufe - Ato público unificado marca dia de protesto em Mato Grosso

Ato público unificado marca dia de protesto em Mato Grosso

Em Cuiabá, servidores públicos federais em greve deram uma demonstração da sua força nesta terça-feira (28). Cerca de metade das categorias do serviço público federal, que estão paralisadas por melhores condições de trabalho e salários, foram às ruas num ato unificado que chamou a atenção de quem transitava pela avenida do CPA nas imediações da Praça Ulisses Guimarães.

Com carro de som e discursos de protesto, os manifestantes reafirmaram que não aceitam a proposta de reajuste salarial proposta pelo governo uma vez que os 15,8% de aumento, parcelados em três anos, não cobrem as perdas inflacionárias e por isso continuam em greve. Os manifestantes distribuíram três mil panfletos, chamando a atenção da população para a situação de desvalorização dos trabalhadores e desmantelamento dos serviços públicos.

Muito embora os índices de aceitação do atual governo permaneçam elevados, a população cuiabana apóia a causa dos servidores públicos. Isso ficou evidente durante a panfletagem feita pelos servidores públicos: a pé ou de carro, todos os passantes receberam o panfleto e muitos, na ocasião, manifestaram solidariedade aos grevistas. “Após tantos dias de greve, sem aulas nas universidades e sem atendimento integral em outros vários setores, é compreensível que a opinião pública se divida. Mas a culpa é toda da presidenta Dilma Rousseff”, enfatizam os servidores em greve.

"Na saúde, por exemplo, estamos vivendo um processo de privatização, da mesma forma como também acontece em outros setores, inclusive nas rodovias. A saúde está sendo leiloada pelos nossos governantes. O governo diz que não tem dinheiro para pagar os servidores que prestam serviços de qualidade indispensáveis à população, mas esbanja fortunas financiando projetos da iniciativa privada e concedendo isenções fiscais", acusam os servidores.

Ato demonstra força da categoria

Para a diretora do Sindijufe-MT, Adelzuíta Maria da Costa Silva, o ato público unificado superou as expectativas. "Valeu a pena todas aquelas horas reunidos no Sindijufe-MT com representantes das diversas categorias, pois hoje conseguimos mostrar toda a nossa capacidade de mobilização", sintetiza a diretora do Sindijufe-MT.

"Para mim foi uma grata surpresa a participação massiva dos colegas do Judiciário Federal. Muitos deles nem estavam em greve, mas participaram do ato e ainda percorreram os locais de trabalho antes das 8 horas da manhã, para convidar os demais servidores a participarem da manifestação. Isso me deixou orgulhosa de todos eles", conclui Adelzuíta Silva.

Fonte: Sindijufe-MT