Sindjus-AL comunica os tribunais sobre a paralisação nacional de 24h na quarta-feira (24)

O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal em Alagoas (Sindjus-AL) encaminhou ofícios na sexta-feira (19) aos presidentes dos tribunais sobre a decisão da paralisação nacional de 24 horas dos servidores do Poder Judiciário Federal em Alagoas, no dia 24 de março, em defesa dos Serviços Públicos e contra o desmonte do Estado brasileiro promovido pelo governo Bolsonaro através da EC 109/2021, das PECs 187 e 188/2019 e da reforma administrativa (PEC32/2020), bem como por Vacinação Já.

O documento informa que a deliberação segue a convocação do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (FONASEFE), da Fenajufe, das Centrais Sindicais e de deliberação da Assembleia Geral Extraordinária da Categoria, realizada no dia 17/03/2021.

Na nota, a coordenação do Sindjus-AL ressalta que fica garantido o percentual mínimo de 30% do contingente de servidores para a prestação dos serviços indispensáveis ao atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade a serem definidos em comum acordo com o presidente do tribunal, sem prejuízo, em situações excepcionais, de haver negociação revisional do referido percentual.

Os ofícios foram encaminhados ao presidente do TRE, desembargador Otávio Leão Praxedes, ao presidente do TRT-AL, desembargador Federal José Marcelo Vieira de Araújo, e ao Diretor do Foro da Justiça Federal Alagoas, Juiz Federal André Carvalho Monteiro, e aos juízes dos cartórios eleitorais de Alagoas.

Pin It