Lira anuncia instalação da Comissão Especial da reforma administrativa na quarta-feira, 9

No mesmo dia, entidades entregarão abaixo-assinado pela suspensão de tramitação da proposta e farão ato presencial no Anexo II 

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP/AL), informou através das redes sociais que a Comissão Especial destinada a apreciar a proposta será instalada até amanhã (9), com a realização da indicação dos membros do colegiado. Além disso, também será realizada a eleição do presidente da comissão e designação do relator dos trabalhos.

Com mais esse passo dado rumo à análise da PEC 32/20, intensificar a pressão contra a reforma torna-se urgente e necessário. É com esse objetivo que no mesmo dia em que a Comissão Especial será instalada, a Frente Parlamentar Mista do Serviço Público - com apoio da Frente Servir Brasil e entidades dos Serviços Públicos – também organizou atos presencial e virtual, para marcar a entrega do abaixo-assinado com quase 150 mi assinaturas.

O documento pede a suspensão da tramitação da PEC 32/20 – a reforma administrativa – durante o período que durar a pandemia e as restrições de atividades presenciais com a participação de representações sociais nas dependências da Câmara dos Deputados, o que impede a necessária discussão de tão relevante tema. O documento pode ser assinado AQUI.

19J forte para enfraquecer a reforma administrativa

19 de Junho – 19J – é a data em que acontece o segundo ato nacional  #ForaBolsonaro. O primeiro, realizado em 29 de maio, surpreendeu a base governista na Câmara e obrigou setores da imprensa mais conservadores e comprometidos com o mercado, a recuarem e darem visibilidade à manifestação.

Com a mobilização do 19 de junho crescendo, a expectativa é que as pautas tocadas pelo Planalto no Parlamento, percam força. Não só elas. Outras encampadas pelo mercado como a própria reforma administrativa e algumas ambientais e até do agronegócio, tendem a arrefecer neste momento se o 19J for maior.

É nessa brecha que as entidades da Frente Parlamentar Mista do Serviço Público planejam atuar também, ampliando o debate da reforma já no 19J, evidenciando os prejuízos para a população, com a privatização do Estado, como quer o governo, a maioria do Congresso Nacional e o mercado. O momento é de máxima resistência e articulação.

 

Luciano Beregeno, com informações da Assessoria Parlamentar da Fenajufe, a cargo da Queiroz Assessoria Política e Sindical

Pin It