Ampliada da Fenajufe aprova resolução contra fragmentação da categoria

Tema que acirrou ânimos e produziu debates acalorados na Reunião Ampliada da Fenajufe - acontecida em 19 de fevereiro no Carlton Hotel de Brasília - foi o deferimento do registro sindical do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Distrito Federal (Sindojus/DF) e a determinação do Ministério do Trabalho para que o Sindjus/DF, exclua de sua base de associados os Oficiais de Justiça.

Através de resolução o plenário deliberou posição contrária à criação de sindicatos  por segmentos da categoria e à intervenção do Estado na organização do movimento sindical e sua relação com a base.

A resolução proíbe também que coordenadores da Fenajufe se manifestem em nome da federação na defesa da criação de sindicatos por segmentos da categoria e estabelece ainda outras vedações.

O documento ficou assim redigido:

A Fenajufe se manifesta contrária e não fomenta a criação de sindicatos por segmentos da categoria, a exemplo da criação do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Distrito Federal – SINDOJUS. A Fenajufe desautoriza qualquer dos seus coordenadores a se manifestar, em nome da Entidade, nas Redes Sociais ou em qualquer outro meio, em defesa da criação de sindicatos por segmentos da categoria e a participar em mesa de negociação com sindicatos que pregam o divisionismo e disputam a mesma base dos sindicatos filiados a essa Federação. A federação não aceita a fragmentação  e nem a interferência do Estado na livre organização da Classe Trabalhadora e considera importante a luta pela manutenção dos Oficiais de Justiça do Distrito Federal na base do Sindjus/DF e da Fenajufe.

Pin It