fbpx

banner tv fenajufe

banner radio fenajufe

banner tv fenajufe

banner fenacast

banner tv fenajufe

banner radio fenajufe

banner tv fenajufe

banner fenacast

Servidores do STF entregam carta aos ministros pela garantia dos 33%

Nesta segunda-feira (12/11), uma comissão de servidores do Supremo Tribunal Federal entregou uma carta aos gabinetes dos onze ministros, solicitando o apoio de cada um deles para o cumprimento do compromisso de reajuste salarial de 33% feito pelo STF à categoria, no final de agosto. A iniciativa da entrega da carta partiu de uma reunião dos coordenadores com os servidores do STF, na última quinta-feira (08).

Segundo a coordenadora do Sindjus-DF Luiza Gallo, a comissão de servidores percorreu todos os gabinetes e, embora não tenha conseguido falar com os ministros em razão de eles estarem no Plenário, foram bem recebidos pelos chefes de gabinete ou por assessores. Eles ficaram de repassar o mais rápido possível a carta aos ministros, com o devido pedido de apelo dos servidores.

A carta, que pode ser lida clicando aqui, explica toda a situação que gerou o PL 4363/2012, cuja negociação resultou numa proposta de aumento salarial de 33% a partir de uma GAJ de 100%. A proposta em questão foi feita pelo presidente Carlos Ayres Britto, mas em nome de todo o Supremo. Por isso, conforme explica o Sindjus-DF, a ideia da carta chamando todos os ministros à responsabilidade na garantia desse reajuste e na aprovação do PL.

“É importante que os servidores estejam engajados nesta luta pela garantia dos 33%, participando de atividades, pressionando ministros. O Supremo Tribunal Federal é um local estratégico para a nossa mobilização, pois o compromisso com uma GAJ de 100% partiu desta Casa. Por isso, é fundamental que os servidores do STF e dos outros tribunais se unam e participem do ato desta terça-feira (12), às 15h, em frente ao Supremo”, enfatizou a coordenadora Ana Paula Cusinato.

Fonte: Sindjus-DF

Pin It

afju fja fndc